11 de Abril de 2019

Procon-JP notifica 70 postos de combustíveis da Capital para entrega de notas fiscais

 

 

 

 

Evanice Gomes

A fiscalização da Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor notificou 70postos de combustíveis para que procedam a entrega das quatro últimas notas fiscais de compra do produto devido ao aumento registrado nas bombas nos últimos dias, principalmente no preço da gasolina. A média do menor preço para a gasolina, hoje, está em R$ 4,29, quando em março estava em R$ 3,699.

O Procon-JP, que vai notificar todos os estabelecimentos que estão em atividade na Capital, quer explicação que justifique os aumentos ocorridos nos valores desse produto esta semana, principalmente o da gasolina. Segundo esclarece Maristela Viana, secretária-adjunta do Procon-JP, a fiscalização está visitando os postos para verificar se algum está praticando aumento acima da média dos últimos reajustes anunciados pela Petrobras este ano.

Olho nos números – Ela explica que a última pesquisa comparativa para combustíveis realizada pelo Procon-JP no dia 13 de março de 2019registrou que o menor preço da gasolina estava a R$ 3,699 e, o maior, em R$ 4,399. “As pesquisas de preços para combustíveis são comparativas, ou seja, nós pegamos o valor do levantamento anterior e comparamos com o atual. Quando háelevação, nós percebemos“.

DetalhesMaristela Viana acrescenta que o pedido das últimas notas fiscais é necessário porque comprova se o aumento não considerou oestoque antigo, adquirido antes dos reajustes. Os estabelecimentos que estiverem praticando o aumento do preço da gasolina em cima de estoque antigo estão cometendo irregularidade. Estamos considerando os valores da notas fiscais e os registrados em nossas pesquisas. A análise será feita em todos os detalhes”.

Denúncias – Durante os dois últimos dias, o Procon-JP recebeu reclamações de consumidores dando conta de aumento no preço nos postos de combustíveis. “O consumidor sentiu o aumento e já nos acionou. Isso é muito bom porque todos temos interesse em manter os preços estáveis eJoão Pessoa é uma das cidades do Pais onde o combustível é considerado um dos mais baratos. Vamos lutar para que isso se mantenha“, salientou Maristela Viana.

Atendimento do Procon-JP

Sede – segunda a sexta-feira: 8h às 14h na sede situada na Avenida D. Pedro I, nº 473, Tambiá

MP-Procon – segunda a sexta-feira: 8h às 17h na sede situada no Parque Solon de Lucena, Lagoa, nº 300, Centro

Uninassau: segunda a sexta-feira das 8h às 17h, no Núcleo de Práticas Jurídicas da Faculdade Uninassau, na av. Amazonas, 173, Bairro dos Estados  





©2015 | PROCON JP | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Rodolfo Abrantes

Avenida Dom Pedro I, nº 473, Centro , João Pessoa – PB. CEP: 58013-020. Central Telefônica - +55 (83) 3214-3040 - SAC: 0800 083 2015